Obtenção de 5-hidroximetilfurfural a partir de diferentes substratos renováveis via catálise homogênea

Com o objetivo de converter diferentes biomassas, sacaríneas e lignocelulósicas, em 5-hidroximetilfurfural, foi proposta a utilização de diferentes solventes que podem ser obtidos a partir de fontes renováveis utilizando o planejamento de experimentos para analisar as variáveis de influência e as condições em torno da faixa de trabalho.

O HMF é um importante bloco de construção e como coprodutos foram obtidos outras moléculas, furfural e ácido levulínico, que também são consideradas blocos de construção.

A escolha dos solventes foi baseada na proposta de uma rota que pudesse ser integrada ao modelo mais exitoso de biorrefinaria existente no Brasil, que é a indústria do açúcar e do álcool, e foram testados acetato de etila e acetona, na conversão de glicose, sacarose e celulignina em 5-hidroximetilfurfural, onde a acetona foi o que conferiu melhor desempenho.

Foram realizados planejamentos de experimentos para avaliar estatisticamente a significância das variáveis testadas, como a temperatura e a concentração de catalisador. Para a glicose o rendimento foi otimizado em 49,1% a 200°C. Para a sacarose o maior rendimento alcançado, a 200°C, 1% de ácido fosfórico e 3 minutos de reação, foi de 46,5% e para a celulignina de bagaço de cana foi de 43,8%.

×